Seja nosso amigo no Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Twitter
00:00     00/00/0000    
AUTOMOBILISMO
31/08/2017 12h11    ATUALIZADO EM 31/08/2017 12h14
TAMANHO DO TEXTO Diminuir fonte Aumentar fonte

Vitórias na Áustria e Inglaterra devolvem favoritismo à Mercedes


Triunfos confirmam recuperação do time alemão e colocam Ferrari sob pressão na F1

Fonte: Fellipe Granzotto/ Revista USAC News
Foto: Divulgação

Indique
Vitórias na Áustria e Inglaterra devolvem favoritismo à Mercedes

Foram duas vitórias incontestáveis, capazes de tirar a confiança até do ferrarista mais fanático. Esse é o atual cenário do Mundial de F1, após os GP’s da Áustria e da Inglaterra. No circuito de Spielberg, Valtteri Bottas não deu chances aos rivais e venceu pela segunda vez na categoria. Beneficiado pela punição imposta a Hamilton devido à troca do câmbio de seu Mercedes, Bottas teve caminho aberto para cravar a segunda pole position da carreira.
 
Com uma largada excepcional, o finlandês abriu vantagem logo no início e soube conter as investidas de Sebastian Vettel. No final. Valtteri garantiu o segundo triunfo do ano, seguido por Vettel, da Ferrari. Daniel Ricciardo, com a Red Bull, fechou o pódio em terceiro. Hamilton fez prova de recuperação e concluiu em quarto.
 
Na semana seguinte, correndo em casa, foi a vez de Hamilton ditar as regras. Em Silverstone, o inglês mostrou o peso de seus três títulos mundiais. Com sobras, garantiu a 67ª pole position da carreira. E na corrida, deu um passeio na concorrência, garantindo mais uma vitória. Foi o quinto triunfo de Hamilton no circuito inglês, se igualando à lenda Jim Clark. Em brilhante corrida de recuperação – após também sofrer uma punição por troca do câmbio - Bottas foi o segundo colocado, seguido por Kimi Raikkonen, da Ferrari, o terceiro. Max Verstappen e Daniel Riccardo, ambos da Red Bull, fecharam a relação dos cinco primeiros.
 
Enquanto isso, Vettel só teve motivos para reclamar. Além de ser superado pelo companheiro de Ferrari ao longo de todo o fim de semana, o alemão ainda sofreu com um pneu furado na última volta da prova. O prejuízo foi grande. O piloto, então 3º colocado na corrida, terminou somente em sétimo e de quebra, viu sua vantagem no campeonato desaparecer.
 
Agora, passadas dez etapas do Mundial, Vettel lidera com 177 pontos, diante de 176 de Hamilton, o vice-líder. Nas estatísticas, o inglês da Mercedes leva ampla vantagem. São seis pole positions e quatro vitórias, diante de uma pole e três vitórias do alemão da Ferrari. Dono de duas poles e duas vitórias no ano, Valtteri Bottas é o terceiro na classificação, com 154 pontos, seguido por Ricciardo, o quarto colocado com 117. O brasileiro Felipe Massa ocupa a 11ª posição do campeonato, com 23 pontos. Entre os construtores, a Mercedes mantém a dianteira, com 330 pontos. A Ferrari vem na sequencia, com 275. Terceira força da categoria, a Red Bull ostenta 174 pontos. 
 
Após o GP da Hungria, a F1 entra no seu período de férias, em pleno verão europeu. E esse um mês de pausa deverá ser marcado por uma série de movimentações no mercado de pilotos. Hoje, a vaga mais comentada é a de Jolyon Palmer, da Renault. São grandes os boatos indicando que o britânico perderá seu lugar para o polonês Robert Kubica, que tem tido excelente desempenho em testes privados com o time francês. Outro candidato à vaga de Palmer é o espanhol Carlos Sainz Jr. O piloto da Toro Rosso já tornou público o desejo de dar um passo adiante na carreira e a Renault poderia ser seu caminho natural.
 
Outro assunto que deve movimentar o mercado de pilotos é a definição do futuro de Fernando Alonso. O espanhol ainda cogita seguir na McLaren, após receber ‘não’ de Ferrari e Mercedes, que já demonstraram desinteresse na contratação do bicampeão mundial. Alonso poderia também buscar um espaço na Renault, time pelo qual conquistou seus dois títulos, em 2005 e 2006.
 
Por fim, a renovação ou não de Kimi Raikkonen pode agitar – e muito – o mercado de pilotos. O finlandês não vem tendo uma atuação convincente pela Ferrari e crescem os boatos indicando que Max Verstappen, hoje na Red Bull, seria o substituto ideal. A F1 retorna às pistas no fim de agosto, com o GP da Bélgica, no tradicional circuito de Spa-Francorschamps. 


NOTÍCIAS RELACIONADAS

Nissan revela carro da Fórmula E

AUTOMOBILISMO

| 07/03/2018

Nissan revela carro da Fórmula E

Etapa começa em dezembro deste ano

Subaru e STO estarão na 24 Horas de Nürburgring

AUTOMOBILISMO

| 26/02/2018

Subaru e STO estarão na 24 Horas de Nürburgring

Corrida acontecerá no dia 13 de maio, na Alemanha

Rali Suzuki Off-Road fará parte do Paulista Off-Road

NOTÍCIAS

| 15/02/2018

Rali Suzuki Off-Road fará parte do Paulista Off-Road

Competição terá taxa de inscrição gratuita

Fórmula 1 terá luta pelo penta em 2018

AUTOMOBILISMO

| 30/11/2017

Fórmula 1 terá luta pelo penta em 2018

Com novo título, Hamilton travará duelo com Vettel na busca pelo 5º campeonato

Ver todas

 



NOTÍCIAS POR MONTADORAS

AGRALE ALFA ROMEO ASTON MARTIN AUDI
BENTLEY BMW CHERY MOTORS CHEVROLET
CHRYLER CITROEN CROSS LANDER DODGE
FERRARI FIAT FORD GEELY
HONDA HUMMER HYUNDAI IVECO
Anterior Próxima




SHOPPING

 
Portal Carros e Acessórios | © 2009 - 2018 - Todos os direitos reservados