Seja nosso amigo no Facebook Siga-nos no Twitter Siga-nos no Twitter
00:00     00/00/0000    

LANÇAMENTOS
01/08/2017 16h43
TAMANHO DO TEXTO Diminuir fonte Aumentar fonte

A reviravolta chinesa


Utilitário esportivo aponta uma nova JAC Motors. Acústica, acabamento interno, beleza, conforto, suspensão e tecnologia são pontos positivos do modelo. Motor e transmissão deixam a desejar

Fonte:Felipe Salomão/ Revista USAC News
Foto: Felipe Salomão/Divulgação

Indique
A reviravolta chinesa

A JAC Motors é sem dúvida a marca chinesa que mais faz “barulho” no mercado automotivo nacional. Quando chegou por aqui, e causou um grande impacto, com direito a carro popular e apresentador famoso em seus comerciais. Anos se passaram, e aposta agora é outra. 
 
Depois de não ter conseguido fazer a fábrica no território nacional e ver seus modelos caírem no ranking de vendas, até mesmo, por causa de limitações para veículo importados, a Marca tenta um turn in point com o SUV T40.
 
Algumas coisas continuam, por exemplo, os 6 anos de garantia e vender o carro “completo”, neste caso, há dois pacotes, um de entrada e outro com câmera frontal e de ré e central multimídia. Quem decidir pela versão sem estes itens, terá que desembolsar R$ 56.990, já quem quiser a versão com os acessórios mencionados pagará R$ 58.990.
 
A mudança aconteceu em um ponto crucial para os modelos chineses, o acabamento e o fim da cópia de outros carros. Quem comprar um T40 não terá um arremate nota 2, mas um nota 6, claro, algumas coisas precisavam melhorar, há muito plástico duro, porém, sem parafusos visíveis. O ruído interno melhorou, o barulho do motor que é muito “gritante” em outros carros da Marca, neste SUV nem dá para notar, o silêncio impera.
 
O desenho do carro ficou atraente, em todos os aspectos. Por fora, há muito cromado, um elemento polêmico que divide opiniões, isso não quer dizer que seja feio e nem bonito, pois alguns acham que sim, outros já não. O teto preto e a cor laranja, já não tem contestação. Ficou elegante e trouxe modernidade ao utilitário.
A dianteira é imponente com a ampla grade e a nova logomarca, que ficou mais aprazível ao olhar, além de dar um toque sofisticado ao carro. Lanternas e LED diurnos foram colocados proporcionalmente aos traços do modelo. A traseira com lanternas na horizontal e mais elevadas ficaram bem dispostas. Todo este desenho, mostra uma cara, e aquela critica de que carros chineses são “copiões” ficam no passado.
 
O interior é sem dúvida o ponto alto do T40. Se for conquistar o consumidor, não será apenas pelo preço atrativo, mas por dentro, o SUV chinês é bem acabado.
 
Os bancos são macios e confortáveis, além de abraçar bem o motorista e os passageiros, quem vai atrás, não fica apertado, o carro tem um bom entre-eixos de 2.490 mm, além de ser largo com 1.750 mm, logo, tanto pessoas altas, como pessoas gordinhas não sofrem, bem como, as malas, já que o porta-malas tem 450 litros.
 
O painel tem plástico, porém, tem acabamento em couro macio e com uma costura e cromado que dão uma pitada moderna e luxuosa ao carro. O volante é novo, e ficou bonito com detalhes em cinza fosco e costura em vermelho, os botões para acessar a central multimídia são de fácil manuseio.
 
Ao falar de central multimídia, ela tem 8” e permite conectar o Smartphone e iPode, no entanto, não tem GPS, o que forçará o motorista utilizar o do celular. Outro detalhe interessante, é a câmera frontal, que permite gravar a dianteira do veículo enquanto dirige, os vídeos podem ser vistos através de um “app” instalado no celular, com ele, o motorista pode mostrar em caso de batida quem estava certo ou errado, é possível gravar a voz dos ocupantes do veículo.
 
Os instrumentos deixam de ter aquela cor azul, tradicional dos carros da JAC Motors, e tem agora, o branco, ficou chique. Os botões do ar condicionado, são simples e não digitais.
 
A JAC Motors preferiu manter o motor 1.5 16V VVT JetFlex, que equipa outros modelos da Marca, como o T5. A transmissão é manual de cinco velocidades. Sim, faltou um câmbio automático, mas para agora, já que o CVT deve chegar em janeiro de 2018.
 
O trem de força desenvolve 125 cv de potência, quando abastecido com gasolina e 127 cv de força, quando abastecido com etanol.  O torque máximo é de 152 Nm e 154 Nm, respectivamente.
 
O JAC T40 vem equipado com diversos itens de série: freios com ABS e EBD, assistente para frenagens de pânico, pedal inteligente de freio, controle eletrônico de estabilidade, controle eletrônico de tração, assistente de partida em rampas, sistema de monitoramento da pressão dos pneus, indicador de troca de marchas, entre outros.
 
No volante
Em um roteiro de teste drive, entre São Paulo e Amparo/SP, foi possível ver toda a mudança da Marca chinesa no T40, que eleva o patamar da JAC Motors.
 
O acabamento não é fantástico, há muito plástico duro, porém, é muito melhor que os outros carros da Montadora, pois eles estão bem acabados e tem um encaixes perfeitos, isso sem contar que não tem parafusos visíveis. Não tem aquele “barulhão” chato do motor dentro do habitáculo. Os bancos são macios e abraçam o motorista, inclusive os mais gordinhos e altos.
 
O painel de instrumentos ficou elegante, o branco invés do azul ficou perfeito. O tecido colocado nas portas e no painel o deixaram sofisticado.
No entanto, apesar de ter um motor com uma boa potência, ele demora para acelerar e retomar a força, é um ponto fraco do carro. A transmissão manual não deixa a desejar, mas faltou uma sexta marcha. Com a opção CVT e mexer na força do propulsor, o carro ficará bem melhor.
 
* À convite da JAC Motors, Felipe Salomão esteve no lançamento do JAC T40, com roteiro de Test Drive, entre São Paulo e Amparo/SP. 


NOTÍCIAS RELACIONADAS

Volkswagen Passat ganha atualização

LANÇAMENTOS

| 09/03/2018

Volkswagen Passat ganha atualização

Sedã ganhou novos itens de tecnologia e sistema de infotainment

Jaguar lança E-Pace no mercado automotivo brasileiro

NOTÍCIAS

| 08/03/2018

Jaguar lança E-Pace no mercado automotivo brasileiro

Motorização potente e luxo se destacam

Volkswagen lança Amarok V6 Turbodiesel

LANÇAMENTOS

| 22/02/2018

Volkswagen lança Amarok V6 Turbodiesel

Motorização desenvolve 225 cv de potência

Cronos, irmão sedã do Argo, é apresentado pela Fiat

LANÇAMENTOS

| 21/02/2018

Cronos, irmão sedã do Argo, é apresentado pela Fiat

Modelo vem equipado com motorização Firefly 1.3 e E.torQ Evo 1.8

Ver todas

 



NOTÍCIAS POR MONTADORAS

AGRALE ALFA ROMEO ASTON MARTIN AUDI
BENTLEY BMW CHERY MOTORS CHEVROLET
CHRYLER CITROEN CROSS LANDER DODGE
FERRARI FIAT FORD GEELY
HONDA HUMMER HYUNDAI IVECO
Anterior Próxima